ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Mon Dec 02 14:23:16 GMT-03:00 2019
Pessoas
Aprenda a lidar com conflitos em sua empresa
Situações indesejadas devem ser resolvidas com equilíbrio. Aproveitar o momento de tensão para fortalecer seu negócio é fundamental.
  • Desafio
  • Equilíbrio
  • Impactos

Em ambientes onde há concentração de pessoas, é natural que diferenças e divergências de opiniões gerem conflitos. Nas micro e pequenas empresas, onde a convivência de todos é mais próxima, essas situações podem ocorrer com mais frequência.

Uma gestão empresarial eficiente está preocupada não apenas em evitar conflitos, mas também em resolvê-los da melhor maneira. Não importa quais membros da equipe estejam envolvidos nos desentendimentos, o importante é minimizar o impacto do problema.

Por isso, é essencial que o planejamento estratégico de qualquer negócio contenha iniciativas de conciliação e mediação.

Desafio

O principal desafio para gestores é identificar as causas das situações conflitantes. Elas podem ser geradas por diversas razões. Conheça algumas delas:

  • Imposições intransigentes.
  • Pressão do trabalho.
  • Expectativas frustradas.
  • Condições de trabalho inadequadas.
  • Falta de capacitação para o atendimento ao cliente.
  • Ambiente de trabalho adverso.
  • Preconceitos.
  • Mudanças repentinas na empresa.
  • Problemas nos fluxos de comunicação.
  • Insubordinação.

Esse processo exige atenção e indica a necessidade de o gestor acompanhar de perto a condução de seus negócios. Ele tem a missão de minimizar o problema para que os impactos representem menos riscos à saúde da empresa e promovam ambiente mais cordial entre funcionários, colaboradores, clientes e chefias.

Cada situação vai exigir abordagem específica para a resolução de conflitos gerados no ambiente de trabalho. O empresário (ou funcionário responsável pela administração do setor) deve ter conhecimento dos fatos, ouvir os envolvidos, deixá-los à vontade para falar e identificar soluções que sejam equilibradas e justas para todas as partes.

Equilíbrio

O sucesso na administração dos conflitos na empresa vai demonstrar a habilidade do gestor de superar situações de crises e fazê-lo ser reconhecido como o ponto de equilíbrio da organização.

O conciliador não pode deixar-se levar pela emoção. Caso contrário, suas tentativas de resolução podem ser insatisfatórias.

Estimular o diálogo é importante em qualquer relação profissional e contribui para que o gestor obtenha informações importantes e, com isso, proponha solução agradável para todos os envolvidos.

Caso os problemas persistam, o gestor deve expor de maneira mais clara e objetiva seus questionamentos e a necessidade de tomar decisões - com base em critérios que as justifiquem - para melhorar o ambiente empresarial.

Impactos

Mesmo após a resolução dos conflitos, a empresa deve estar atenta às consequências que podem surgir. A depender de como a situação é administrada, um simples momento de tensão pode sair do controle e se tornar complexo ou mais abrangente do que deveria.

Os impactos podem resultar em:

  • Queda de rendimento do trabalhador.
  • Ambiente da organização dividido por afinidade.
  • Custas judiciais com processos de indenização.
  • Prejuízo à imagem da empresa junto à clientela.
  • Surgimento de outros conflitos.

Por outro lado, o momento de tensão também pode ser visto como oportunidade para a empresa, inclusive para incentivar o aperfeiçoamento da equipe, por meio de cursos e treinamentos, ou para a implementação de atividades que promovam o bem-estar e a convivência saudável entre todos os que fazem parte da organização.

Isso pode resultar em mais motivação da equipe. Os resultados podem ser positivos e impulsionar maior produtividade no trabalho, na oferta dos serviços ou produtos e, consequentemente, na expansão do negócio.

Leia mais

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora